24 de janeiro de 2016

não ligo, procuro.

24 de janeiro de 2016
Tentando miseravelmente fazer algo diferente, espero o ano interno para as férias e quando chega eu me encontro num tedio eterno, mas que no fundo é maravilhoso. Engraçado, estou em um momento em que nem ligo mais. Adoro usar aquela típica frase de imagem que os tios compartilham no facebook (me envergonho disso, não nego) que diz assim: TO IGUAL CHUVEIRO VELHO, NEM LIGO E QUANDO LIGO NEM ESQUENTO. Nem ligo que estou mega excluída no meu clico de amizade, que não sobrou nem dois reais esse mês, pois tenho que pagar minhas cirurgias. Não ligo mais pro lance que os anos tão passando a idade chegando e eu não tenho a capacidade de arrumar um namorado como minhas amigas fazem, não ligo que estou trancada dentro do quarto em pleno sábado ou que não aconteceu nada interessante pra eu compartilhar no meu Snapchat, aliás, passei o dia dormindo e fez sol.  Não esquento mais se falam alguma coisa ligada a algo que estou usando/fazendo/comendo ou se minha risada é escandalosa demais pra soltar em algum espaço publico. Não ligo que estou ficando velha, louca e chata. Não ligo mais pra o que “aquele menino” acha de mim, na real um dia eu tive coragem de ligar pra isso? Não ligo, não ligo e não ligo.


Sabe pra que estou ligando? É em mim! To ligada em mim, nas coisas que gostos, nas series atrasadas, nos livros não lidos. Amigos são ótimos, tudo é ótimo. Quando você não se perde no meio disso tudo. Então desculpa a falta de sentido, é que estou procurando a mim mesma. 

2 comentários:

  1. As vezes é mais fácil encontrar coisas que estão lá fora do que estão perdidas aqui dentro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é sempre mais fácil fugir do que sentimos..

      Excluir

Deixe sua opinião, ela será muito bem-vinda! ❤
(Deixe o link do seu blog, quero te conhecer).